No Valor Econômico: Matheus Bueno de Oliveira comenta a decisão do STJ que afasta a tributação da permuta de imóveis

Na edição de 22 de janeiro nosso sócio de Tributário, Matheus Bueno de Oliveira, comentou a decisão da 2ª Turma do Superior Tribunal de Justiça sobre ausência de comprovação de lucro em operação de permuta de imóveis realizada por uma construtora, o que não pode ser equiparado, para fins fiscais, a compra e venda.

Segundo ele, a decisão poderá servir como precedente para outros setores que utilizam a operação de permuta em seus negócios.

Leia a matéria na íntegra aqui