Em matéria publicada no dia 17 de fevereiro pela revista JOTA, Luciano Godoy comenta as principais vantagens e desvantagens existentes em relação à instauração de procedimentos arbitrais com árbitro único no país. O crescente aumento de procedimentos dessa natureza requer um maior preparo dos profissionais que pretendem atuar nesta área, seja como árbitros, seja como advogados representantes das partes envolvidas.

Clique aqui e veja a publicação online.